1420Visualizações |  Like

INVESTIGAÇÃO NA EEG

A Investigação é um vetor fundamental para a afirmação da Escola de Economia e Gestão (EEG) e está ancorada nas suas unidades de investigação, cabendo à Presidência da EEG o apoio à excelência científica e a promoção de investigação de fronteira entre os seus investigadores. Ao longo dos últimos anos, fruto do esforço e investimento realizados, a produção científica da EEG tem vindo a crescer, não só em quantidade, mas particularmente em qualidade, destacando-se a crescente internacionalização da sua produção científica. Os resultados científicos dos investigadores da EEG têm sido numerosos e significativos e têm sido publicados em revistas internacionais de elevado prestígio tais como Econometrica, Journal of International Economics, Journal of Business & Economic Statistics, Journal Econometrics, Journal of Money, Credit & Banking, The American Journal of Political Science, entre outras.

Deste modo, afirma-se, de forma inequívoca, como objetivo estratégico da EEG a confirmação da dimensão internacional da sua investigação, incentivando-se a ligação dos seus investigadores a redes internacionais de investigação, bem como a diversificação das fontes de financiamento, de um modo particular financiamento proveniente da União Europeia. Fomenta-se, adicionalmente, a convergência de áreas do saber e a concretização de equipas multidisciplinares. Visa-se, assim, o crescimento da produtividade científica, a racionalização de recursos materiais e humanos, capitalizando as sinergias que daí advêm. Este percurso deverá passar, a breve prazo, por uma classificação de mérito das suas unidades de investigação na avaliação em curso promovida pela FCT, assim como pela integração de uma parte substancial dos seus investigadores nas suas unidades de excelência.

Miguel Portela

Vice-Presidente da Escola de Economia e Gestão para a Investigação (2011-2014)